• INCC

DIA 14 I 21 Dias de Jejum e Oração

DIA 14

VIDA MAIS PROFUNDA


“Ouvi: Eis que saiu o semeador a semear. E, ao semear, uma parte caiu à beira do caminho, e vieram as aves e comeram. Outra caiu no solo rochoso, onde a terra era pouca, e logo nasceu, visto não ser profunda a terra. Saindo, porém, o sol a queimou; e porque não tinha raiz, secou-se. Outra parte caiu entre os espinhos; e os espinhos cresceram e a sufocaram, e não deu fruto. Outras, enfim, caíram em boa terra, e deram fruto que vingou e cresceu, produzindo trinta, sessenta e cem, por um.” (Marcos 4:3-8)


Temos andado preocupados em notar que muitos de nós crescemos na vida cristã até certo patamar, outros estagnaram e não muito poucos retrocederam. Por que, de repente, muitos pararam, outros estagnaram e outros até retrocederam? A Palavra de Deus não precisa de remendo ou retoque. Ela é viva e eficaz, tem capacidade por si mesma, e quando é recebida de uma maneira séria e profunda, produz frutos que duram por toda a eternidade. Na parábola, Jesus diz da semente que cai ali, cai acolá, cai mais adiante, uma é sufocada pelos espinhos, outra a terra não permite que ela germine, outra o sol queima, mas uma cai em boa terra e produz frutos, a trinta, sessenta, e a cem por um. Que tipo de produtividade temos tido como cristãos? Se o Senhor voltasse hoje e examinasse as nossas vidas, acharia frutos? Por que uma vida cristã superficial, rasa, tem satisfeito tanta gente? Há três motivos pelos quais a nossa vida não é frutífera.


1 – A maioria de nós tem um solo muito raso, isto é, não temos profundidade espiritual. A vida cristã rasa é baseada em sentimentos. A vida cristã profunda é baseada na fé. O segredo do sucesso é deixar as suas raízes aprofundarem além dos seus sentimentos, deixar ir até os rios da Água da Vida, que é o próprio Senhor Jesus molhar não a superfície da sua vida, mas a profundidade dela.

2 – A parte visível de uma árvore é o seu tronco e a parte oculta é a raiz. Na vida cristã a raiz representa a sua vida secreta com o Senhor. Você tem um tempo secreto com o Senhor? Raiz exposta logo morre.

3 – A Palavra é absorvida, ela frutifica, a casca sempre rompe, torna-se um embrião fértil, brota, começa a crescer; mas quando a raiz quer matar o pecado, a ganância, o ego, as rochas, os pedregulhos da vaidade batem na raiz e não há crescimento. Toda a sua vida não está no tronco, não está nos galhos, nem nas flores.

Deus espera de nós que saiamos dessa floração superficial da vida cristã, só de beleza externa, só de verbalização, que deixemos de ser produtores de frutos de má qualidade, temporões e que produzamos bons frutos.


Pensamento: A vida sem Deus é seca como um deserto, infrutífera como os espinheiros e estagnada como um poço de águas paradas e cheias de lodo. É preciso voltar para Deus, à fonte de águas vivas. – Hernandes Dias Lopes

Oração: Senhor, obrigado pelas tempestades, pois servem para mostrar as Tuas oportunidades para minha vida. Em Cristo, amém!

-

Devocional extraído do livro "Bálsamo e Mel" Volume 2 do Pastor Aguiar Valvassoura.



1,680 visualizações3 comentários