• INCC

JEJUM // DIA #21 - Uma família que serve ao Senhor

“Agora temam o Senhor e sirvam-no com integridade e fidelidade. Joguem fora os deuses que os seus antepassados adoraram além do Eufrates e no Egito, e sirvam ao Senhor. Se, porém, não lhes agrada servir ao Senhor, escolham hoje a quem irão servir, se aos deuses que os seus antepassados serviram além do Eufrates, ou aos deuses dos amorreus, em cuja terra vocês estão vivendo. Mas, eu e a minha família serviremos ao Senhor.”

Josué 24.14-15

Josué está exortando o povo de Israel para que fiquem firmes servindo ao Senhor com integridade e fidelidade. Porém, alguns rebeldes estavam deixando-se envolver no culto pagão dos povos que eles conquistaram. Josué então coloca diante deles, a opção de quem vão servir e fala uma frase, que deveria ser o lema em todas as famílias cristãs: Eu e a minha família serviremos ao Senhor. A família deve cumprir os propósitos de Deus para ela no meio da sociedade.

1. Famílias modelo. Deus quer que cada família cristã viva os princípios da Palavra de tal forma que se tornem modelo para as outras famílias. Antes, santifiquem Cristo como Senhor em seu coração. Estejam sempre preparados para responder a qualquer pessoa que lhes pedir a razão da esperança que há em vocês. Contudo, façam isso com mansidão e respeito, conservando boa consciência, de forma que os que falam maldosamente contra o bom procedimento de vocês, porque estão em Cristo, fiquem envergonhados de suas calúnias (1 Pedro 3.15-16).  Amados, insisto em que, como estrangeiros e peregrinos no mundo, vocês se abstenham dos desejos carnais que guerreiam contra a alma. Vivam entre os pagãos de maneira exemplar para que, mesmo que eles os acusem de fazer o mal, observem as boas obras que vocês praticam e glorifiquem a Deus no dia da sua intervenção (1 Pedro 2.11-12). Nesses dois textos, o apóstolo Pedro está mostrando que o bom procedimento e as boas obras que nós praticamos serão um instrumento de Deus para abençoar outras vidas. Precisamos de famílias que sejam exemplo para outras.

2. Famílias missionárias. Uma família bem estruturada na Palavra de Deus naturalmente atrai outros casais, principalmente aqueles que estiverem necessitando de ajuda. Deus utilizará as nossas famílias para abençoar outras. Ele instituiu a família com o propósito de ser bênção para outros. O que recebemos de Deus, além de nos abençoar, beneficiará outras pessoas. Bendito seja o Deus e Pai de nosso Senhor Jesus Cristo, Pai das misericórdias e Deus de toda consolação, que nos consola em todas as nossas tribulações, para que, com a consolação que recebemos de Deus possamos consolar os que estão passando por tribulações (2 Coríntios 1.3-4). Famílias consoladas são instrumento de Deus para consolar outras famílias.

3. Famílias que servem o Reino. O lar sempre será um instrumento de Deus para cumprir os seus propósitos. A igreja primitiva reunia-se nas casas. Em Romanos 16, o apóstolo Paulo saúda diversas igrejas que se reuniam nas casas de pessoas. Precisamos consagrar e abrir as nossas casas para reuniões de grupos ou células. Deus quer usar as nossas famílias para salvar muitas pessoas. A igreja de Filipos começou na casa de uma mulher chamada Lídia: “No sábado saímos da cidade e fomos para a beira do rio, onde esperávamos encontrar um lugar de oração. Sentamo-nos e começamos a conversar com as mulheres que haviam se reunido ali. Uma das que ouviam era uma mulher temente a Deus chamada Lídia, vendedora de tecido de púrpura, da cidade de Tiatira. O Senhor abriu seu coração para atender à mensagem de Paulo. Tendo sido batizada, bem como os de sua casa, ela nos convidou, dizendo: "Se os senhores me consideram uma crente no Senhor, venham ficar em minha casa". E nos convenceu (Atos 16.13-15). Toda a sua família recebeu a Cristo, foi batizada e em seguida Lídia abriu as portas de sua casa para começar a igreja.

Há um grande movimento no Brasil de Igrejas em Grupos Pequenos ou Células, reunindo-se nas casas. Sua família pode ser uma bênção nas mãos de Deus, abrindo sua casa para receber um Grupo ou Célula, e você poderá ganhar para Cristo parentes, vizinhos, colegas de trabalho e da escola e sua família será um instrumento de Deus para abençoar muita gente. Deus criou a família com o propósito de abençoar todas as famílias da terra. Desde o princípio isto ficou claro com o chamado de Abraão: Ora, disse o SENHOR a Abrão: Sai da tua terra, da tua parentela e da casa de teu pai e vai para a terra que te mostrarei; de ti farei uma grande nação, e te abençoarei, e te engrandecerei o nome. Sê tu uma bênção! Abençoarei os que te abençoarem e amaldiçoarei os que te amaldiçoarem; em ti serão benditas todas as famílias da terra (Gênesis 12.1-3).

Ao encerrar estes 21 dias de Jejum e Oração, tome os seguintes propósitos:

1. Dependendo de Deus, vou estudar e aplicar os princípios bíblicos em minha vida e na minha família. 2. Consagro a minha casa e a minha família para o serviço de Deus. 3. Vou ajudar outras famílias a conhecer e aplicar os princípios bíblicos em suas vidas.

Oração “Senhor Deus, neste momento eu faço uma entrega de tudo que sou tenho em tuas mãos. Consagro minha vida e família para o teu serviço. Enche-me com o teu Espírito e me ajuda a estudar e viver os princípios tua Palavra em toda a minha vida. Eu faço isto para a tua glória, em Nome de Jesus Cristo. Amém!”





#FamíliaInabalável #INCC #LugarDeNovosComeços

0 visualização
logo incc preto.png
Igreja do Nazareno Central de Campinas