top of page
  • dezagil

DIA 08 I 21 Dias de Jejum e Oração

DIA 08 // 21 Dias de Jejum e Oração


VIDA FAMILIAR

8 - Vida conjugal


Ao criar o homem, a intenção de Deus foi dotar o restante da Sua criação de um administrador fiel e capaz de aproveitar a oportunidade de ser cooperador dEle. Para isso, deu-lhe uma tarefa: Deu [Adão] nome a todos os animais domésticos, a todas as aves do céu e a todos os animais selvagens. O homem, porém, continuava sem alguém que o ajudasse e o completasse (Gênesis 2:20). Ao completar essa missão, Adão permaneceu ainda sem ninguém que “o ajudasse e o completasse” (cf. vs. 20). E, a partir de Adão, do lado do seu corpo, Deus criou para ele Eva, a sua mulher.


A vida conjugal, a partir do casamento, é claramente definida nas Escrituras uma existência com dois propósitos comuns ao casal: primeiro, que se ajudem; segundo, que se completem. Para estes alvos, é impossível que possam existir propósitos de vida, para cada um deles, que se tornem caminhos de afastamento e de uma vida “cada um por si”! Curiosamente, você pode perceber que as pressões sociais agora sobre o casamento, em todas as culturas, em todo o planeta, agora procuram estabelecer que homem e mulher deixam de ser categorias únicas, distintas e que se atraiam, para se completarem? Ideologias, leis e costumes criam alternativas para isto, que ferem gravemente o conceito cristão de unidade conjugal e aliança familiar.


Mesmo quando ainda é preservada formalmente a união de marido e mulher, eventualmente eles se afastam do propósito de serem ajudadores, um do outro, e são incentivados a pensarem “na sua realização pessoal” e não no propósito de vida comum, “de uma só carne” (cf. Marcos 10:8)! É a mentalidade divorcista tomando posse até mesmo dos corações dos cristãos! Não nos cabe julgar as situações de vida das pessoas, mas devemos sempre nos avaliar através de duas questões essenciais à respeito da vida conjugal, inclusive para o ano de 2023:


- Tenho sido um(a) ajudador(a) do meu cônjuge?

- O que posso fazer para que como cônjuges possamos ser ajudadores um do outro, e não competidores?


 


1.163 visualizações3 comentários

3 Comments


Regina Feu
Regina Feu
Jan 09, 2023

Ser ajudador do conjuguê se torna muito difícil quando o outro não é cristão, a impressão que da que se caminha sozinha. O fardo se torna muito pesado, só a misercórdia de Jesu!

Like

valeriacamillyelias
Jan 09, 2023

Graça e paz!

Precisamos ardentemente ajudar o marido a orar e ler ou ver uma pregação para assim o Espírito Santo de Deus opere no seio familiar.

Não podemos em nenhum momento abaixar nossas cabeças quando vemos que o esposo está esfriando na fé.

Like

Lucia Felipe Elson Sampaio Teixeira
Lucia Felipe Elson Sampaio Teixeira
Jan 09, 2023

Amém

Like
bottom of page