• INCC

GC Estudo 4: Felicidade, o jeito de Jesus ser feliz


VERSÍCULO CHAVE:

O que é felicidade? O que realmente é necessário para se feliz? O que faz alguém feliz? Existe um caminho certo para a felicidade? Essas perguntas caminham com a humanidade.


A humanidade está vivendo uma pandemia de infelicidade, mas não é só isso que se mostra nas redes sociais. Elas revelam sorrisos, alegrias, experiências vibrantes somente.... mas, na verdade, os travesseiros encharcados permanecem escondidos da realidade externa. Todos estão à procura de algo que os façam realmente e definitivamente felizes.


Há mais de 2.000 anos atrás, há um convite a sentar na relva de uma montanha de Israel e, ouvir, do Autor da vida, do Criador de todas as coisas, do Salvador Eterno, o que é felicidade, pois ele teve um compromisso para a felicidade das pessoas que o seguem.


E QUAL É O JEITO JESUS DE SER FELIZ?


O Sermão do Monte é provavelmente a parte mais conhecida dos ensinamentos de Jesus, embora se possa argumentar que seja a menos compreendida e, certamente, a menos obedecida. De tudo o que ele disse, essas suas palavras descrevem o que ele desejava que os seus seguidores fossem e fizessem. Seu propósito era ensinar seus discípulos, seus filhos na fé.


Mateus, nestas breves palavras introdutórias, quer fazer notar que se trata do "ensino oficial de Jesus", que nestas palavras Jesus está abrindo seu coração a seus discípulos, e lhes comunicando o mais profundo de seu pensamento; e o resumo dos seus ensinos.


MAS O QUE É ESSA FELICIDADE?


1. Não é sobre sentir ou ter; é sobre viver – enquanto na cultura atual está no final de um caminho, de uma conquista, no final de um sonho realizado, JESUS trata não sobre algo a ser encontrado no final de um caminho, mas em como esse caminho é trilhado.

2. Não é sobre o futuro, é sobre hoje – É uma declaração de Jesus, felizes vocês são, é para hoje, para agora.

3. Não é sobre ausência de dor. Se ao ler o texto perceber que tem lágrimas, é porque a verdadeira felicidade não é ausência de dor. Às vezes há uma esperança de que a vida esteja em perfeita harmonia, espera-se navegar num mar calmo, para que tenha felicidade, mas a felicidade prometida nas bem-aventuranças é uma felicidade que existe com as lágrimas, com a dor, que coexiste com as perdas.

4. Não é sobre estar. É sobre ser – Não é apenas estar feliz é sobre ser feliz. Estar feliz tem a ver com o momento e a circunstância. Ser feliz é experimentar de uma felicidade ultra circunstancial, independentemente das provações que alguém tenha; dos percalços do caminho.

5. Não é sobre uma percepção subjetiva, é sobre uma voz objetiva – Não é a pessoa que diz que é feliz. Pergunta: A felicidade depende da aferição da própria pessoa para definir que é feliz? Não, de acordo com as bem- aventuranças, quem diz o que é ser feliz é JESUS e não os discípulos. É Ele que declara quem é feliz. Determinar se alguém é feliz ou não, não está nas mãos de ninguém, no próprio poder de decisão, é Jesus quem diz quem é feliz. O desafio pessoal é realinhar o paradigma de felicidade e a visão de felicidade que Jesus tem para cada um.


GUARDE: É DEUS QUE DIZ QUEM É FELIZ!

Primeira bem-aventurança – Felizes os pobres em espírito ou os humildes de espírito.


Desejar trilhar o caminho da verdadeira felicidade, segundo a espiritualidade cristã é imprescindível que seja humilde de espírito, é a porta de entrada neste texto.


Existem duas palavras para pobre de espírito no grego – “penês” trabalha arduamente para comprar o básico do básico. Trabalha para subsistência . A segunda palavra “ptochos”, é a pessoa que nem consegue nem trabalhar para sua subsistência, não tem nem uma moeda, depende total e exclusivamente de esmolas, é um falido, miserável, não tem nada em suas mãos.


A palavra que Jesus usa é essa. Felizes são os miseráveis. Mas os pobres de espirito, não tem a ver com ausência de riqueza material, mas tem a ver com falência espiritual, com pobreza espiritual. É chegar diante de Deus de mãos vazias, não tem nada para oferecer a Deus que seja digno do amor Dele. Não tendo nada que seja capaz de atrair o seu amor, nada impressiona Deus. Espiritualmente falido.


Não é falar de auto-ajuda, mas de ajuda do alto. O caminho é inverso. É impossível ser feliz, sem ser pobre e humilde de Espírito. Foi o que Jesus disse. Porque deles é o reino de Deus. Será que é fácil falar que alguém é humilde de espírito?


O que é preciso fazer?


1. Renunciar qualquer justiça própria

2. Ter uma postura de maior humildade

3. Chorar pelo motivo certo.

4. Lembrar de quem é.






Veja o Estudo completo em PDF

+ Vídeo Aula




Estudo_4_-_As_bem_aventuranças_-_A_ess
.
Download • 460KB




NOSSO CONVITE Hoje somos mais de 160 grupos cadastrados! E o retorno de todos os participantes tem sido muito positivo! GLORIA A DEUS!


Faça parte de um GC! Enviamos abaixo o link para que você se inscreva nos informando sobre o perfil de grupo que você gostaria de participar. Aguardamos sua inscrição!


LINK: https://bit.ly/inccgc



Europa, Estados Unidos & Canadá, e agora, África! Grupos de Comunhão Internacionais


"... sem barreiras para a comunhão"





Você não foi enviado para este país por acaso, Deus quer te usar para juntos fazermos discípulos de todas as nações!





Outras informações sobre os GCs Internacionais entre em contato:

  • Pr. Cleber Soares

  • Whats: +55 (019)981510850

  • E-mail: cleberfsoares@gmail.com


81 visualizações
logo incc preto.png
Igreja do Nazareno Central de Campinas