• INCC

Testemunho: "...Continuei a trabalhar tranquila, sem ansiedade ou desespero, e confiando em Deus."

Muitas pessoas já conhecem a bênção desse apartamento em que eu moro! Pois neste ano, já recebi mais uma bênção de Deus com ele! Todos os anos, em meados de outubro-novembro, vence o meu contrato. É quando ocorre o aumento do aluguel e, pela Graça de Deus, eu continuo morando nele mesmo assim.


No ano passado, o aumento foi de 20%, um valor tão alto que entrei em contato com a Administradora para negociar. A moça que me atende até voltou antes das férias para me ajudar. Ela falou com o proprietário e conseguiu que ele mantivesse o antigo valor, o que foi uma grande bênção para mim, que relatei no final do ano passado.



Em janeiro deste ano, o proprietário me ligou dizendo que iria colocar o imóvel à venda. Lamentei para ele: _ Mas, logo agora que eu deixei aqui com a minha carinha, do meu jeitinho?!! Logo agora?! Tudo ficando como eu gosto! Acabei de pintar, fiz um monte de coisas aqui para deixar ainda mais aconchegante do que ele já é! Então ele me disse que não estava com vontade de vender mas que uma amiga dele, que é corretora de imóveis, queria levar uma pessoa para ver e tudo mais. Mas, me disse que não estava com vontade de vender.


Foi quando coloquei em oração pedindo ao Senhor que se fizesse a Vontade Dele, afinal o apartamento não é meu, mas foi Ele quem me colocou nesse lugar, quem me presenteou em morar aqui há 4 anos! Graças a Deus, o Senhor também nunca deixou que eu atrasasse um aluguel, um condomínio.


Sempre proveu trabalho para mim, desde o inicio quando eu não tinha sequer condições para alugar e clamei a Ele!


Na semana seguinte, a corretora amiga dele me ligou querendo marcar o dia e horário para trazer a pessoa interessada aqui. Porém, como eu trabalho durante o dia e chego em casa somente à noite, nossas agendas não batiam. Quando expliquei a ela que só seria possível à noite, ela entrou em contato com o proprietário, e também informou a ele que, sendo eu inquilina, teria a prioridade de compra.


Então, o Sr. Hermans me ligou perguntando se eu tinha interesse em comprar, ao que eu respondi que sim! Não sabia como, não tinha condições, mas tinha interesse!

Eu moveria o mundo para comprá-lo! Então, o proprietário me disse que a corretora prepararia uma carta de declaração de interesse de compra para eu assinar. Nossas agendas não bateram e eu fui assinar o papel na imobiliária, no dia 28 de janeiro, quando então começou a minha batalha!


Comecei a orar, pedindo que o Senhor me preparasse um financiamento. Fui ao banco e à Caixa, mas mas meu Score era baixo. Conversei com a milha filha para ver se ela poderia entrar comigo, mas não podia. Fui movendo tudo o que eu podia e clamando ao Senhor! Ele tinha me colocado aqui, e eu não tinha vontade nenhuma de sair. Gosto do meu canto, me sinto bem aqui, e também a paz Dele neste lugar.



Então, comecei a orar pedindo que o Senhor amolecesse o coração do proprietário e da corretora, pois eu não conseguiria o financiamento nem com a ajuda da minha filha.


No dia 28 de fevereiro, eu precisaria avisar o proprietário e corretora que eu não poderia ficar com o imóvel. Mas antes disso, no dia 23, senti no coração de já falar, pois já sabia da impossibilidade do financiamento. Então, por que esperar dia 28? Mandei uma mensagem naquele mesmo dia avisando da negativa do financiamento e da minha desistência de comprar.


Continuei a trabalhar tranquila, sem ansiedade ou desespero porque eu confio num Deus que milagres faz! Ele quem me colocou aqui e quem provê as minhas necessidades todos os dias. Ele é quem me dá forças para eu levantar todas as manhãs, trabalhar e voltar para casa em segurança. Descansei no meu Senhor!

É Nele em quem eu confio!


Depois do trabalho naquele dia, vi que tinha um monte de mensagens para mim, do proprietário, da corretora que venderia, do novo corretor que alugaria outro ligar para mim. Falei para o Senhor: _ Não vou ouvir agora, porque o Sr. Hermans vai estar querendo mandar outras pessoas para verem aqui e cuido disso depois. Paizinho, eu vou responder às mensagens depois!

Reparei que havia muitas mensagens da corretora que estava cuidando da venda e decidi abrir pelo menos as dela que, para minha surpresa dizia:


_ Dona Clarice, o proprietário desistiu de colocar o imóvel para venda!!

Que felicidade foi aquilo para mim!! Então, já abri da outra corretora e ela disse que eu não precisaria alugar outro, que já estava sabendo que o proprietário tinha desistido da venda!!


Então, finalmente, decidi responder ao Sr. Hermans.

Ele ligou para mim e disse que tinha esta boa notícia:

_ Dona Clarice, faz dias que estou sentindo no meu coração de não vender o imóvel! É coisa de Deus! A senhora não vai sair daí. Continue morando aí o tempo que for necessário!

Vocês não imaginam a minha felicidade quando ele falou que era coisa de Deus!


Claro que sim!! Era Deus agindo mesmo!!

Quantas vezes eu pedi a Ele que não me tirassem daqui, que amolecesse o coração do proprietário e do corretor!

Eu clamava:

_ Papai, o nosso apartamento é tão bonitinho, está ficando com a minha carinha, está ficando do jeito que eu gosto, acabei de pintar...

Tudo isso, orando de joelhos dobrados, contando ao Senhor tudo o que acontecia. Falava:

_ Papai, não deu certo. Não consegui o financiamento. Mas, primeiramente está nas Suas mãos. Está nas mãos do meu Senhor!


Tudo o que eu faço está nas mãos Dele! É para Ele que eu oro! É para Ele que eu entrego o meu dia na minha primeira oração matinal, agradecendo porque eu acordei! Entrego a minha e a vida das pessoas que eu gosto, das pessoas que eu amo nas mãos Dele. Falo com Ele todas as manhãs!

Quando o Sr. Hermans me falou que era coisa de Deus, claro que era Deus agindo realmente! Eu não me contive! Entrei em desespero de alegria. Ria e chorava. Eu tinha vontade de contar para o mundo o que estava acontecendo e espalhei no grupo da família, das orações, e em outros. Contei para quem podia!


Estou aqui pela Graça do Senhor! Ele me colocou neste apartamento desde o início. Aluguei sem fiador, sem cheque calção, sem entrada, nem condições de pagar o primeiro mês! Mas Deus proveu tudo para mim e ele continua provendo e me abençoando cada vez mais! Gratidão ao meu Deus! A Ele eu devo a minha vida e tudo o que eu sou hoje! Porque Ele provê as minhas necessidades todos os dias. Nunca me deixou faltar nada!


A partir do primeiro momento em que eu coloquei os pés na casa do Senhor, Ele me disse que me queria juntinho Dele e eu fiquei até hoje! E Ele nunca me deixou faltar nada!


Tem uma Palavra em Habacuque 3:17 que sempre me animou nos momentos difíceis.

"Porque ainda que a figueira não floresça, nem haja fruto na vide; ainda que decepcione o produto da oliveira, e os campos não produzam mantimento; ainda que as ovelhas da malhada sejam arrebatadas, e nos currais não haja gado; Todavia eu me alegrarei no Senhor; exultarei no Deus da minha salvação".

Eu trago essa Palavra sempre comigo. Me faz lembrar que Deus nunca me abandona! Eu sei que Ele sempre está comigo e que me carrega nos braços quando for preciso!

Eu só estou aqui hoje pela Graça Dele e eu O louvo todos os dias pelas provisões que Ele me dá, entre tantas bênçãos! Também creio que Ele vai me prosperar, p