• INCC

GC I Qual é a atitude de Jesus com relação aos que se extraviam e se perdem?


Todos são importantes!

Parábola da ovelha perdida


VERSÍCULOS: MATEUS 18:10-14 (LUCAS 15:3-7)


"10 Vede, não desprezeis a qualquer destes pequeninos; porque eu vos afirmo que os seus anjos nos céus veem incessantemente a face de meu Pai celeste.

11 [Porque o Filho do Homem veio salvar o que estava perdido.]

12 Que vos parece? Se um homem tiver cem ovelhas, e uma delas se extraviar, não deixará ele nos montes as noventa e nove, indo procurar a que se extraviou?

13 E, se porventura a encontra, em verdade vos digo que maior prazer sentirá por causa desta do que pelas noventa e nove que não se extraviaram.

14 Assim, pois, não é da vontade de vosso Pai celeste que pereça um só destes pequeninos."



LUCAS 15:3-7

"3 Então, lhes propôs Jesus esta parábola:

4 Qual, dentre vós, é o homem que, possuindo cem ovelhas e perdendo uma delas, não deixa no deserto as noventa e nove e vai em busca da que se perdeu, até encontrá-la?

5 Achando-a, põe-na sobre os ombros, cheio de júbilo.

6 E, indo para casa, reúne os amigos e vizinhos, dizendo-lhes: Alegrai-vos comigo, porque já achei a minha ovelha perdida.

7 Digo-vos que, assim, haverá maior júbilo no céu por um pecador que se arrepende do que por noventa e nove justos que não necessitam de arrependimento."



Os Meus pequeninos


Mateus 18:3-35 apresenta como temática a vida da comunidade cristã, o que significa pertencer na comunidade de seus discípulos.

Jesus apresenta as crianças como modelo, pois estas têm uma atitude de absoluta confiança, humildade e dependência.

Mateus 19:14 - Jesus, porém, disse: Deixai os pequeninos, não os embaraceis de vir a mim, porque dos tais é o reino dos céus.

Esses pequeninos: Aplica-se aos crentes humildes e sensíveis como as crianças.


Mateus 10:42 - E quem der a beber, ainda que seja um copo de água fria, a um destes pequeninos, por ser este meu discípulo, em verdade vos digo que, de modo algum perderá o seu galardão.

(v10) No Judaísmo, dizia-se que somente os anjos da mais alta categoria podem ver o rosto de Deus. Jesus assinala que aos pequeninos é dado o privilégio de terem como protetores esses anjos.


Mateus 25:40 - O Rei, respondendo, lhes dirá: Em verdade vos afirmo que, sempre que o fizestes a um destes meus pequeninos irmãos, a mim o fizestes.

Diante de todo o contexto dessa parábola, Jesus comprara esses pequeninos a ovelhas do seu rebanho.


Em Mateus a parábola se refere a uma ovelha que se EXTRAVIOU. Em Lucas a identificação é que uma se PERDEU.

O dicionário do Google (https://www.google.com/search?q=extraviar) apresenta o seguinte significado para o verbo extraviar:


1. tirar ou sair do caminho; desviar(-se);

2. sumir ou fazer sumir; perder(-se).



Vamos observar alguns pontos com relação a essa parábola:


1. Há um cuidado de Deus com as suas ovelhas (os seus pequeninos)


Em João 10:1-18, Jesus faz várias declarações sobre o assunto ligado à figura do pastor e a segurança que ele trás para as ovelhas utilizando de outras imagens como a porta, a sua voz, o aprisco etc.

No versículo 11 ele afirma: Eu sou o bom pastor. O bom pastor dá a vida pelas ovelhas.

Há um cuidado especial, amoroso, de entrega de Deus por cada uma das suas ovelhas.

No versículo 16 ele declara: Ainda tenho outras ovelhas, não deste aprisco; a mim me convém conduzi-las; elas ouvirão a minha voz; então, haverá um rebanho e um pastor.



2. Há um cuidado especial de Deus com os que se extraviam


Esta parábola se refere à consideração que se deve ter para com os extraviados, os perdidos.

Essa consideração representa, em primeiro lugar, a atitude que Deus tem para cada uma das pessoas.

Ele faria qualquer coisa que fosse necessária para encontrar a ovelha (pessoa) que se extraviou.

Essa afirmação é carregada de um amor sem igual por aquela que se extraviou, porque o texto afirma que aquele homem DEIXA no monte (ou no deserto, como em Lucas) as 99 para ir procurá-la.

Não significa que ele não se importa com as 99, mas apresenta a nós a grandeza de Deus e a sua urgência em resgatar a extraviada.

Sob a dimensão de Deus, as 99 não ficaram sós, porque ele é Deus, ele é Onipresente, pode estar em todos os locais, mas sob o aspecto humano, diante das nossas limitações, deixar as 99 sozinhas, sem a proteção do pastor, demonstra qual é o sentimento de Deus por causa da pessoa que está perdida.



3. Deus se alegra quando encontra a extraviada


No versículo 13 há um condicional: “E, se porventura a encontra”.

Esse condicional não é por falta de vontade daquele que está procurando, mas da reciprocidade ou da disponibilidade daquele que está sendo procurado.

Às vezes não há mais tempo para ser encontrado, pois pode não estar mais vivo, pode não querer ser achado, ou até mesmo pode não ser mais possível ser achado.

Isaías 55:6 - Buscai o Senhor enquanto se pode achar, invocai-o enquanto está perto.

Mas quando é encontrada, Jesus declara em Mateus 18:13 que “em verdade vos digo que maior prazer sentirá por causa desta do que pelas noventa e nove que não se extraviaram”.

Em Lucas 15:5-6, são utilizadas as expressões “põe sobre os ombros”, “cheio de júbilo”, “alegrai-vos comigo”. E no versículo 7, finaliza com a afirmação: “haverá maior júbilo no céu por um pecador que se arrepende do que por noventa e nove justos que não necessitam de arrependimento”.



4. Deus não deseja que nenhum dos pequeninos pereça


Interessa